Páginas

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011


É que quando me sinto amada, parece que, enfim,
posso viver algum tipo de calma, em ser essa que sou.


ÉEEEEEEEEEEEEEEEEEE hojeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee


Nenhum comentário: