Páginas

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

As coisas parecem não ter sentido,
é um vazio,
uma sensação tão estranha,
de impotência,
de querer poder ajudar,
de voltar a te pirraçar,
a brigar por bobagem,
a viajar até no meio da madrugada,
das nossas farras,
da sua exploração,
da minha preguiça!





Trate de acordar logo desse pesadelo
e avise a Papai do céu, que
eu, Lara e Cocói,
estamos te esperando pra fazer
aquelaaaaaaaaaaaaa macarronada!!


"Nunca houve noite que pudesse impedir.
O nascer do sol e a esperança. E não há problema que possa impedir.
As mãos de Jesus prá me ajudar.

Haverá um milagre dentro de mim.
Vem descendo um rio prá me dar a vida.
Este rio que emana lá da cruz, do lado de Jesus.

Aquilo que parecia impossível.
Aquilo que parecia não ter saída.
Aquilo que parecia ser minha morte.
Mas Jesus mudou minha sorte.
Sou um milagre e estou aqui.

Usa-me, sou o teu milagre.
Usa-me, eu quero te servir.
Usa-me, sou a tua imagem.
Usa-me, ó filho de Davi"

Nenhum comentário: