Páginas

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Vivo analisando as ações alheias e minhas próprias ações, sempre acredito q os outros vão fazer por mim o q tento fazer por eles, mas tudo q faço é de coração, não espero em troca, apenas 1 mínimo de gratidão! E no meio de tanta gente, agente sempre encontra INDIVIDUALISMOS, EGOÍSMOS... e tantos outros ISMOS que nem quero me contaminar... o mau do esperto é achar q todo mundo vai continuar sendo besta a vida inteira, e q vai carregar os fardos alheios pra sempre, as pessoas se apoderam do q é o dos outros com tamanha vaidade q esquecem q aquilo não é SEU de direito! No fundo quase ninguém quer ver o outro realmente progredir... é tanta inveja, olho gordo em cima do q construímos, e olha que tento me expor cada dia menos! Acho que nessa semana tenho reforçado cada dia mais minhas orações pedido à Deus: SABEDORIA e SILÊNCIO! "LIVRAI-NOS DE TODO MAL, AMÉM JESUS!"
Se estiver nos planos de Deus, vai acontecer. Não interessa o que as pessoas dizem, não interessa o que o mundo pense. Se Deus for agir, ninguém impede!

domingo, 25 de agosto de 2013

Pode ser ilusão ou mesmo ingenuidade minha, mas sonho em ver todo mundo bem! Gente feliz não dá trabalho... nem enche o saco! Vivo agora sonhando com o Natal... pareço criança pequena Fazer 1 árvore bemmmmmmmmm grande e colorida, juntar todo mundo ao redor!! Oh Papai do céu, obrigada por fazer morada em minha vida e trazer muita alegria e esperança ao meu coração! Semana corrida vem chegando... devagarzinho tudo vai pro seu devido lugar!!! "FELICIDADE NASCEU E AMANHÃ VIRÁ EM 1 SOL MAIOR!" Saulo Fernandes

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Amo MUDANÇA, seja de visual, de cidade, de emprego, de vida... e sinto que só tem vindo coisas extremamente boas, ainda que com dificuldades, mantenho-me em ORAÇÃO pela SAÚDE da nossa família, pelas bençãos que Deus tem nos enviado, pelos problemas que unidos temos conseguido superar! E a GIGANTE FÉ que me move teima em insistir e agradecer por TUDO!

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Instintivamente tratamos as pessoas de forma diferente, nossas escolhas são pautadas pelo q o nosso coração indica! O amor nos faz priorizar e cuidar de quem nos afeiçoa, se entregar sem reservas, ir além do que podemos, e esquecer que os outros também merecem nosso cuidado e atenção... Mas sem perceber, colocamos num pedestal nossos "queridinhos"! Só 1 dica...

terça-feira, 20 de agosto de 2013

PARABÉNS MINHA COLUNA QUERIDA!!

1 ano de operada! VOOUUUU... e me sinto hiper confortável com meus 24 parafusos atuais! Os remédios ficaram para trás, as dores também! Ainda me sinto 1 robozinha, mas cada dia estou mais adaptada a minha nova realidade! Há tanto pra fazer... correção postural, palmilha, fortalecimento muscular... o pior já passou, mas VALEU, valeu muito! Me sinto uma vitoriosa, extremamente abençoada por Deus, imensamente amada pela minha família e meus amigos! Sem dúvida essa música traduz bem esse ano!!!
Sou Um Milagre Voz da Verdade Nunca houve noite que pudesse impedir. O nascer do sol e a esperança. E não há problema que possa impedir. As mãos de Jesus prá me ajudar. Haverá um milagre dentro de mim. Vem descendo um rio prá me dar a vida. Este rio que emana lá da cruz, do lado de Jesus. Aquilo que parecia impossível. Aquilo que parecia não ter saída. Aquilo que parecia ser minha morte. Mas Jesus mudou minha sorte. Sou um milagre e estou aqui. Usa-me, sou o teu milagre. Usa-me, eu quero te servir. Usa-me, sou a tua imagem. Usa-me, ó filho de Davi.

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Naquela noite,enquanto minha esposa servia o jantar, eu segurei sua mão e disse: "Tenho algo importante para te dizer". Ela se sentou e jantou sem dizer uma palavra. Pude ver sofrimento em seus olhos. De repente, eu também fiquei sem palavras. No entanto, eu tinha que dizer a ela o que estava pensando. Eu queria o divórcio. E abordei o assunto calmamente. Ela não parecia irritada pelas minhas palavras e simplesmente perguntou em voz baixa: "Porquê?" Eu evitei respondê-la, o que a deixou muito brava. Ela jogou os talheres longe e gritou "você não é homem!" Naquela noite, nós não conversamos mais. Pude ouví-la chorando. Eu sabia que ela queria um motivo para o fim do nosso casamento. Mas eu não tinha uma resposta satisfatória para esta pergunta. O meu coração não pertencia a ela mais e sim a Jane. Eu simplesmente não a amava mais, sentia pena dela. Me sentindo muito culpado, rascunhei um acordo de divórcio, deixando para ela a casa, nosso carro e 30% das ações da minha empresa. Ela tomou o papel da minha mão e o rasgou violentamente. A mulher com quem vivi pelos últimos 10 anos se tornou uma estranha para mim. Eu fiquei com dó deste desperdício de tempo e energia mas eu não voltaria atrás do que disse, pois amava a Jane profundamente. Finalmente ela começou a chorar alto na minha frente, o que já era esperado. Eu me senti libertado enquanto ela chorava. A minha obsessão por divórcio nas últimas semanas finalmente se materializava e o fim estava mais perto agora. No dia seguinte, eu cheguei em casa tarde e a encontrei sentada na mesa escrevendo. Eu não jantei, fui direto para a cama e dormi imediatamente, pois estava cansado depois de ter passado o dia com a Jane. Quando acordei no meio da noite, ela ainda estava sentada à mesa, escrevendo. Eu a ignorei e volteia dormir. Na manhã seguinte, ela me apresentou suas condições: ela não queria nada meu, mas pedia um mês de prazo para conceder o divórcio. Ela pediu que durante os próximos 30 dias a gente tentasse viver juntos de forma mais natural possível. As suas razões eram simples: o nosso filho faria seus exames no próximo mês e precisava de um ambiente propício para preparar-se bem, sem os problemas de ter que lidar com o rompimento de seus pais. Isso me pareceu razoável, mas ela acrescentou algo mais. Ela me lembrou do momento em que eu a carreguei para dentro da nossa casa no dia em que nos casamos e me pediu que durante os próximos 30 dias eu a carregasse para fora da casa todas as manhãs. Eu então percebi que ela estava completamente louca mas aceitei sua proposta para não tornar meus próximos dias ainda mais intoleráveis. Eu contei para a Jane sobre o pedido da minha esposa e ela riu muito e achou a idéia totalmente absurda. "Ela pensa que impondo condições assim vai mudar alguma coisa; melhor ela encarar a situação e aceitar o divórcio", disse Jane em tom de gozação. Minha esposa e eu não tínhamos nenhum contato físico havia muito tempo, então quando eu a carreguei para fora da casa no primeiro dia, foi totalmente estranho. Nosso filho nos aplaudiu dizendo "O papai está carregando a mamãe no colo!" Suas palavras me causaram constrangimento. Do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa, eu devo ter caminhado uns 10 metros carregando minha esposa no colo. Ela fechou os olhos e disse baixinho "Não conte para o nosso filho sobre o divórcio" Eu balancei a cabeça mesmo discordando e então a coloquei no chão assim que atravessamos a porta de entrada da casa. Ela foi pegar o ônibus para o trabalho e eu dirigi para o escritório. No segundo dia, foi mais fácil para nós dois. Ela se apoiou no meu peito,eu senti o cheiro do perfume que ela usava. Eu então percebi que há muito tempo não prestava atenção a essa mulher. Ela certamente tinha envelhecido nestes últimos 10 anos, havia rugas no seu rosto, seu cabelo estava ficando fino e grisalho. O nosso casamento teve muito impacto nela. Por uns segundos,cheguei a pensar no que havia feito para ela estar neste estado. No quarto dia, quando eu a levantei, senti uma certa intimidade maior como corpo dela. Esta mulher havia dedicado 10 anos da vida dela a mim. No quinto dia, a mesma coisa. Eu não disse nada a Jane, mas ficava a cada dia mais fácil carregá-la do nosso quarto à porta da casa. Talvez meus músculos estejam mais firmes com o exercício, pensei. Certa manhã, ela estava tentando escolher um vestido. Ela experimentou uma série deles mas não conseguia achar um que servisse. Com um suspiro, ela disse "Todos os meus vestidos estão grandes para mim". Eu então percebi que ela realmente havia emagrecido bastante, daí a facilidade em carregá-la nos últimos dias. A realidade caiu sobre mim com uma ponta de remorso... ela carrega tanta dor e tristeza em seu coração... Instintivamente, eu estiquei o braço e toquei seus cabelos. Nosso filho entrou no quarto neste momento e disse "Pai, está na hora de você carregar a mamãe". Para ele, ver seu pai carregando sua mão todas as manhãs tornou-se parte da rotina da casa. Minha esposa abraçou nosso filho e o segurou em seus braços por alguns longos segundos. Eu tive que sair de perto, temendo mudar de idéia agora que estava tão perto do meu objetivo. Em seguida, eu a carreguei em meus braços, do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa. Sua mão repousava em meu pescoço. Eu a segurei firme contra o meu corpo. Lembrei-me do dia do nosso casamento. Mas o seu corpo tão magro me deixou triste. No último dia, quando eu a segurei em meus braços, por algum motivo não conseguia mover minhas pernas.Nosso filho já tinha ido para a escola e eu me vi pronunciando estas palavras:"Eu não percebi o quanto perdemos a nossa intimidade com o tempo". Eu não consegui dirigir para o trabalho... fui até o meu novo futuro endereço,saí do carro apressadamente, com medo de mudar de idéia... Subi as escadas e bati na porta do quarto. A Jane abriu a porta e eu disse a ela "Desculpe Jane. Eu não quero mais me divorciar". Ela olhou para mim sem acreditar e tocou na minha testa "Você está com febre?" Eu tirei sua mão da minha testa e repeti "Desculpe,Jane. Eu não vou me divorciar. Meu casamento ficou chato porque nós não soubemos valorizar os pequenos detalhes da nossa vida e não por falta de amor. Agora eu percebi que desde o dia em que carreguei minha esposa no dia do nosso casamento para nossa casa, eu devo segurá-la até que a morte nos separe. A Jane então percebeu que era sério. Me deu um tapa no rosto, bateu a porta na minha cara e pude ouví-la chorando compulsivamente. Eu voltei para o carro e fui trabalhar. Na loja de flores, no caminho de volta para casa, eu comprei um buquê de rosas para minha esposa. A atendente me perguntou o que eu gostaria de escrever no cartão. Eu sorri e escrevi: "Eu te carregarei em meus braços todas as manhãs até que a morte nos separe". Naquela noite, quando cheguei em casa, com um buquê de flores na mão e um grande sorriso no rosto, fui direto para o nosso quarto onde encontrei minha esposa deitada na cama, morta. Minha esposa estava com câncer e vinha se tratando a vários meses, mas eu estava muito ocupado com a Jane para perceber que havia algo errado com ela. Ela sabia que morreria em breve e quis poupar nosso filho dos efeitos de um divórcio - e prolongou a nossa vida juntos proporcionando ao nosso filho a imagem de nós dois juntos toda manhã. Pelo menos aos olhos do meu filho, eu sou um marido carinhoso. Os pequenos detalhes de nossa vida são o que realmente contam num relacionamento. Não é a mansão, o carro, as propriedades, o dinheiro no banco. Estes bens criam um ambiente propício a felicidade mas não proporcionam mais do que conforto. Portanto, encontre tempo para ser amigo de sua esposa, faça pequenas coisas um para o outro para mantê-los próximos e íntimos. Tenham um casamento real e feliz! Se você não dividir isso com alguém, nada vai te acontecer. Mas se escolher compartilhar para alguém, talvez salve um casamento. Muitos fracassados na vida são pessoas que não perceberam que estavam tão perto do sucesso e preferiram desistir. Valorize quem realmente te ama ... Pense nisso. Créditos: Carlos Azevedo
Que o afeto nos cure a alma Que o carinho permaneça Que a gentileza prevaleça Que as coisas boas se multi
pliquem

sábado, 17 de agosto de 2013

Essa mensagem traduz bem tudo o que vivi nesse 1 ano, terça comemoro 1 ano com meus 26 companheiros parafusos que agora são 24!! E me sinto realmente REALIZADA, por todo o sacrifício que fizemos, pelas dores intensas, pela força de vontade que tive que ter a todo momento pra superar cada dificuldade, crítica, lágrima que teimava em cair! Pelo apoio de tanta gente, nunca me senti tão amada! Sei que é só o começo de uma NOVA VIDA... mas a FÉ que me move teima em insistir que MUITAS COISAS BOAS AINDA ESTÃO POR VIM! E ainda que repetitiva volto A AGRADECER À DEUS POR SER 1 MILAGRE, POR ESTAR COMIGO EM TODOS OS INSTANTES... nunca senti tanto sua proteção e presença como nesse 1 ano... OBRIGADA PAPAI DO CÉU! POR TUDO!!

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Seremos PADRINHOS de casamento novamente domingo, casamento é 1 coisa mágica, quando o real sentimento de AMAR alguém e deixar fluir o sentimento e ser capaz de AMAR! - Parafraseando Paula Fernandes Sim, apesar de todas as nossas diferenças me pego pensando e começando a planejar como será o NOSSO dia 17/01/2015, e pela convivência dos nossos quase 4 anos, sinto o quanto o AMOR se apoderou de nós, pela cumplicidade com que nos SUPORTAMOS, por juntos enfrentarmos tantas dificuldades e ainda assim continuarmos a fazer piada de quase tudo! Papai do céu lá de cima tem realmente cuidado dos nossos sonhos e nos ensinado dia-a-dia que esperar não é perder tempo,mas acreditar que, há um tempo determinado para todas as coisas!

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Tenho QUINTA FEIRA como um dia especial em minha vida! Pra nós católicos é 1 dia de bençãos... e hoje ao entrar nas redes sociais da vida me peguei nesse texto "Tudo vai passar. Eles vão crescer e dispensar nosso colo. Vai chegar a fase em que os amigos serão mais importantes que os pais. Que nossas demonstrações de afeto serão consideradas um grande mico. Que em vez de torcemos para que eles durmam, torceremos pra que cheguem logo em casa. Que não se interessarão pelos velhos brinquedos. Que o alvoroço na hora do almoço, dará lugar a calmaria. Que os programas em família serão menos atrativos que o churrasco com a turma. Que dirão coisas tão maduras que nosso coração irá se apertar. Que começaremos a rezar com muito mais freqüência. Que morreremos de saudade de nossos bebês crescidos. Por isso... Viva o agora. Releve as birras. Conte até 10. Faça cosquinhas. Conte histórias. Dê abraços de urso. Deite ao lado deles na cama. Abrace-os quando tiverem medo. Beije os machucados. Solte pipa. Brinque de boneca. Faça gols. Comemorem. Divirtam-se. Acorde cedo aos domingos pra aproveitar mais o dia. Rezem juntos. Estimule-os a cultivar amizades. Faça bolos. Carregue-os no colo. Faça com que saibam o quanto são amados. Passem o máximo de tempo juntos... ...assim quando eles decidirem partir para seus próprios voôs, você ainda terá tudo isso guardado no coração!" (Cinthia Morallles - Blog Mãenual de Instruções)

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Senhor... Nos ajuda, nas mudanças Pelas quais precisamos passar, As renuncias que precisamos fazer, O silêncio na hora certa E o abrir da nossa boca com confiança... Em tudo precisamos de ti.

terça-feira, 13 de agosto de 2013

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Não consigo dormir... dou meus cochilos profundos, mas volto a acordar! A abstinência do Tramal está me enlouquecendo! Logo eu q amo uma cama, em diversos sentidos da palavra! AJUDA PAPAI DO CÉU... os carneirinhos até já cansaram de me escutar... Qual a solução que arrumei? ESTUDAR... fichamentos, apostilas... METODOLOGIA CIENTÍFICA! Ocupar a mente é sempre bom!
9 dias de operada Já parei com os remédios, mas a insegurança é tamanha q pareço sentir falta deles! Mas tenho aguentado, dormindo mal... fazendo as coisas aos poucos, andado! Hoje volto a estudar :D 5 semestre, metade da jornada! Simbora...
#FOTO# GRUDINHO DO MEU VIVER!

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Falar de meu PAI é 1 coisa que me emociona, por incrível que pareça me sinto cada dia mais parecida com ele... Durante muitos anos brigamos feito cão e gato, e hoje concordo que suas birras eram todas CERTAS! tenho lembranças lindas do quanto ele sempre cuidou de mim e tentou me proteger... mesmo com seu jeito avoado ele sempre se manteve por perto, lembro com muito carinho quando ele me esquecia na escola, quando eu me arrumava toda e ele me chamava de ÁRVORE DE NATAL, ou quando viajávamos e ele parava em todo canto pra me mostrar cada bicho do caminho, e sempre que voltava de alguma viagem trazia ao menos 1 doce pra me alegrar! Ele tem inúmeros defeitos, assim como eu, mas herdei dele seu GRANDE CORAÇÃO, que de tão bom chega a ser besta! Há 1 ano estamos nos aproximando mais, graças a minha cirurgia tenho voltado aos cuidados da minha família, e não canso de repetir que apesar de todas as dores e dificuldades esse foi o MELHOR PRESENTE que ganhei em toda minha vida, tê-los por perto, estreitar os nossos laços, saber que posso contar com suas presenças! Sou muito GRATA à Deus por ter exemplo de bons homens em minha vida, meu AVÔ MAROTO e seus olhos azuis me fazem uma falta infinita do seu amor, tanto que até na hora de falecer ele provou o quanto ficaria a vida inteira a cuidar de mim, escolheu justo o meu aniversário pra partir! Meus TIOS, todos eles de uma forma especial sempre se fizeram marcantes em mim, Meu tio Dalmo com sua alegria contagiante, Tio Binho um grande amigo, Tio Miguel sempre disposto a ajudar, Tio Cláudio um exemplo de homem, Tio Sergio uma figuraça, Tio Paulo uma alegria e logicamente meu NAMORIDO, o futuro grande PAI que será o mais babão de todo o universo! * Mas o q desejo a meu PAI em especial no seu dia, é que Deus sempre lhe dê saúde e sabedoria, que Deus esteja em cada 1 dos seus planos, pq só Ele é capaz de nos conduzir por bons caminhos! E tenho uma FÉ gigante que seus sonhos também se tornarão REALIDADE! Obrigada por ser meu pai, obrigada por ser meu exemplo, obrigada por cuidar e acreditar em mim sempre! Seu apoio é essencial pra minha vida!

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Por incrível que pareça tenho me sentido uma CELEBRIDADE, o celular não para, o face, instagram, email, aqui em casa toda hora é gente, imagine quando eu fizer Apolônio a farra q não será, o menino irá nascer assustado com tantos flashs...rs! E por um lado é 1 saco, ter q receber gente... repetir mil vezes q to bem, só estupidamente inchada, mas por outro me sinto IMENSAMENTE AMADA, e isso me preenche e me dá uma força tamanha pra ficar inteira e manter sempre o sorrisão constante! Papai do céu realmente me mostra diariamente o quanto amada sou... e colho os bons frutos q tento semear!

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Nova cirurgia

Eu realmente tenho tanto a AGRADECER por ter passado por outraaaaaaaaa cirurgia e estar inteira, andando, me recuperando hiper bem, não canso de admitir o quanto Papai do céu é generoso e olha muito por mim! Logicamente q ainda há muito o q repousar, ter paciência, esperar... cuidar... mas me sinto PLENA, repleta de força e confiança pra me manter na batalha pela minha CURA!